NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Loading...

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL

Diaconia promove Segunda Semana da Alimentação em Umarizal-RN
Diaconia promove Segunda Semana da Alimentação em Umarizal
A Diaconia realiza nos dias 30 e 31 de Outubro no Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Umarizal (STTR), a segunda edição da Semana da Alimentação (SEIA). Com o tema “Alimentação saudável: plante essa ideia”, o evento tem como objetivo promover o direito à alimentação de qualidade, direito básico inerente a todo ser humano, e também estimular práticas alimentares saudáveis.

A programação conta com palestras e debates sobre educação alimentar e nutricional. No primeiro dia, o Articulador Estadual do SEAPAC Procópio de Lucena acompanhado pelo agricultor Chico Elpídio ministram a palestra sobre o patrimônio genético da agricultura familiar “Sementes da Caatinga, Sementes da Resistência”. No período da tarde, o presidente do Conselho Nacional de Segurança Alimentar (CONSEA) do estado do Rio Grande do Norte Jean Pierre debate o tema Segurança Alimentar e Nutricional.

No segundo dia, o educador popular Nilton Junior da Comissão Pastoral da Terra – CPT de Mossoró participa da mesa redonda sobre transgênicos. Para encerrar, o agricultor Oséas Ramalho da comunidade de Galho do Angico (Caraúbas – RN) integra o grupo temático sobre sementes crioulas onde colabora com sua experiência de agricultor familiar.

Para o coordenador Leonardo Freitas, a SEIA é mais um espaço de incidência política promovido pela Diaconia na região que se incorpora ao calendário anual de eventos da cidade e prioriza uma pauta de ações relevantes acerca da segurança e soberania alimentar. “Nesta edição buscamos priorizar atividades de formação. Além disso, a nossa proposta é tratar o tema também sob a perspectiva da agricultura familiar”, completa Leonardo.

A SEIA reúne agricultores familiares, estudantes, representantes da sociedade civil e de organizações governamentais.

ORGULHO DE SER NORDESTINO

Hostilidade após eleição gera onda de orgulho nordestino nas redes
Moradores de vários Estados se associaram ao 
site "Nordestinos Sim"
O recado era direto: "Diga ao mundo: sou nordestino, sim". A resposta foi rápida: na base do boca a boca, mais de 1,7 mil moradores de Estados como Sergipe, Pernambuco, Bahia, Rio Grande do Norte, São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais aceitaram o chamado.

Eles associaram suas fotografias ao site "Nordestinos Sim" (http://nordestinosim.com.br/), criado há menos de três semanas para celebrar, por meio de um mosaico de diferentes cores, idades e gêneros, o orgulho de quem nasce na região.

Lançado em 8 de outubro, o site ganhou fôlego durante a onda de mensagens discriminatórias publicadas nas redes sociais na reta final das eleições. E não foi só ele.

Em resposta a mensagens como "só foram feitos para comer farinha, fazer filho e ganhar Bolsa Família", outras manifestações de defesa à cultura e aos cidadãos nordestinos se espalharam pelas redes.
R7. com

NOTÍCIAS

RN pretende vacinar 1,2 milhão de bovinos contra aftosa em novembro
O Instituto de Defesa de Inspeção Agropecuária do Rio Grande do Norte (Idiarn) estima a vacinação de 1,2 milhão de bovinos entre os dias 1 e 30 de novembro, período da segunda etapa da vacinação contra a febre aftosa. Em maio deste ano, o estado foi reconhecido pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) como área livre da febre aftosa com vacinação.

A mudança de status veio após cinco anos e começou ainda em maio de 2013, quando o estado concluiu o inquérito soroepidemiológico e foi reclassificado nacionalmente como zona livre da aftosa com vacinação. Com o anúncio desta manhã, o RN cumpre a expectativa do orgão internacional de ser reconhecido fora do Brasil como livre da doença.

Em Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, a prefeitura divulgou um calendário de visitação da Secretaria de Agricultura e Recursos Hídricos. As quatro vão a 133 comunidades rurais da cidade para vacinar os rebanhos de pequenos criadores que possuem até 25 cabeças de gado. Os agricultores familiares receberão a vacina de graça.

NOTÍCIAS

Barragem Armando Ribeiro está com 36% de sua capacidade
Nível da barragem Armando Ribeiro Gonçalves 
atinge estado crítico
A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório de água doce do Estado, está com apenas 36,67% de sua capacidade total, de acordo com os dados da última medição, feita nesta quarta-feira, 29. O reservatório é responsável pelo abastecimento de água de diversos municípios do interior do RN e a situação preocupa moradores e autoridades.

A situação se mostra mais grave ainda na barragem de Pau dos Ferros, no Alto Oeste Potiguar, onde o nível do reservatório está com apenas 3,86%. Ainda naregião Oeste, o açude de Lucrécia que abastece a cidade homônima e também outros municípios da região com a cidade de Martins, encontra-se com apenas 5,9% de sua capacidade.

Outros reservatórios de menor capacidade já não têm mais água e a população de muitos municípios da região depende de carros-pipas. Açudes como Apanha-Peixe em Caraúbas e Pilões chegaram ao nível morte e a água que ainda resta não serve para o consumo humano.
A situação se mostra ainda mais complicada nos municípios da região do Seridó.

O açude Itans, maior reservatório da região do Seridó, localizado na cidade de Caicó, responsável pelo abastecimento de grande parte da população e também de outras cidades está com apenas 9,75% de sua capacidade.

Outra situação que preocupa é com relação à barragem Passagem das Traíras, construída para garantir o abastecimento das cidades de Jardim do Seridó, São José do Seridó e zona norte de Caicó. Mas sem chuvas, a situação já é de calamidade total no reservatório.

Dos 49 milhões, 702 mil e 394 metros cúbicos d’água, hoje o volume atual é de apenas 3,37%, o equivalente a 1 milhão, 677 mil e 63 metros cúbicos. A situação dos outros reservatórios da região também é preocupante, como mostra as medições apresentadas pela Secretaria de Estado e Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte (SEMARH) e também pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS).

SITUAÇÃO DA BARRAGEM DE RODEADOR EM UMARIZAL-RN
CAPACIDADE ----------------21.403.850    
VOLUME ATUAL M³ --------7.233.674     
VOLUME ATUAL % ----------33,80 %      
DATA ---------------------------22/10/2014

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Causos de Munguengue

Seu Abdias, com 98 anos de idade, vai ao posto de saúde de Munguengue fazer um check-up como já lhe é de costume. O médico perguntou como ele estava se sentindo e ele depressa responde.
--- Oxente seu doutor!! Nunca me senti tão bem... Minha namorada tem 18 anos e esta grávida, esperando um filho meu. O que me diz doutor?
O medico refletiu... e ironicamente diz ao velho:
- Deixe-me contar-lhe uma história seu Abdias. Eu conheço um cara que é caçador, nunca perdeu uma estação de caça. Mas, um dia, por engano, colocou seu guarda-chuva na mochila em vez da arma. Quando estava na floresta, um tigre repentinamente apareceu em sua frente. Ele sacou o guarda-chuva da mochila, apontou para o tigre e.... Bang!!! O bicho caiu morto.
--- KKK! Isso é impossível doutor - disse o velhinho. Algum outro caçador deve ter atirado no tigre.
E o médico com a cara de risos diz:
- Exatamente seu Abdias! Foi isso que aconteceu com o senhor.

NOTÍCIAS

BNB tenta renegociar mais de 200 milhões em dívidas dos agricultores no RN
Dia 31 de outubro é o prazo final para que os agricultores familiares e produtores rurais de todo o país possam aderir ao programa de renegociação de dívidas junto ao Banco do Nordeste do Brasil (BNB). O chamado vale para aqueles que estavam adimplentes em 2011. Segundo dados divulgados pela Gerência do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) no Estado do Rio Grande do Norte, ainda são esperadas a renegociação de aproximadamente 19.900 operações de crédito, que chegam a somar um montante de R$ 211 milhões em dívidas.

Com a adesão, os produtores e agricultores têm até 30 de novembro para formalizarem suas negociações. A renegociação prevê prorrogação das parcelas com vencimento em 2012, 2013 e 2014 e bônus de adimplência de 80% sobre o valor de cada parcela paga até seu vencimento, com base na determinação do Conselho Monetário Nacional (CMN), por meio das resoluções 4.211 e 4.212. A concessão de bônus se aplica aos clientes do Pronaf.


Começam os testes para a transposição do São Francisco
O governo federal iniciou, nesta semana, os testes de bombeamento no eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco no momento em que o empreendimento está com 66,1% de suas obras concluídas. Para explicar melhor como foram feitos os testes, o Blog do Planalto conversou com o secretário-executivo do Ministério da Integração Nacional, Iranir Ramos.

“O teste consistiu em acionar os vários equipamentos, integrá-los eletronicamente, deixá-los todos conectados à nossa sala de controle integrada e, a partir dessa sala, nós demos partida ao motor do primeiro conjunto de bombeamento, que bombeou 4 metros cúbicos de água por segundo. Após subir a altura de 62 metros, equivalente a um prédio de 20 andares, a água começou a adentrar no canal, e esse canal conduz a água até o primeiro reservatório, passando por um aqueduto que está por cima de uma rodovia, e depois segue por mais 10 quilômetros de canal até chegar ao primeiro reservatório”, explica Iranir.
http://tenentelaurentinoagora.blogspot.com.br/

FALTA CHUVA NO MEU SERTÃO

MAIS ALGUM TEMPO SEM CHUVAS E O MUNDO VAI SE DANAR
Eu soube de uma notícia
Que até me fez chorar
Num lugar, numa fazenda
A água está a faltar

Pelo que fiquei sabendo
Desde que a fazenda surgiu
Nunca houve falta d'água
Porém agora sumiu!

Imaginem nas cidades
Se houver racionamento?
Vai haver um corre-corre
Composto de sofrimento.

Há quem diz que quando chove
São frentes frias a chegar
Mas se Deus não abrir o céu
As águas ficam no ar!

Temos que fazer novenas
E firmar na oração
Pois se a água acabar
Acaba a população.

E pelo que estamos vendo
Com esse sol de rachar
A terra vai ficar seca
O mundo vai acabar!

Luzirmil

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Seu moço!! Esse é meu naturar

SERTÃO NORDESTINO 
SERTÃO DA MOÇA ZANGADA
SERTÃO DO CABRA VALENTE
SERTÃO DA VAQUEJADA
SERTÃO DO RIO CORRENTE
SERTÃO DA FARINHADA
SERTÃO DE SOL BEM QUENTE

SERTÃO DA BOA QUALHADA
SERTÃO DO MEU OXENTE
SERTÃO DA MADRUGADA
SERTÃO DE POVO CONTENTE
SERTÃO DA BOA BUXADA
SERTÃO DE POVO CONTENTE

SERTÃO DE CAVALGADA
SERTÃO DE BOA GENTE
SERTÃO DE GRANDE BOIADA
SERTÃO DO SOL NASCENTE
SERTÃO DE GADO EM DISPARADA
SERTÃO DE PARTEIRA PACIENTE

SERTÃO DE ROLINHA DEBANDADA
SERTÃO DE ÁGUA FERVENTE
SERTÃO DE CARNE TORRADA
SERTÃO DA MENINA INOCENTE
SERTÃO DE PIRÃO COM RABADA
SERTÃO DE SAPO NA ENCHENTE
TEXTO: JATÃO VAQUEIRO


VEJAM ESSE VÍDEO

Causos de Munguengue


Um Munguenguense abre uma loja na capital do ceará e bota uma placa em frente a porta com os dizeres: "Tem de tudo." Um cearense resolve entrar na loja para conferir. Chega no balcão e pede:
- Seu Juca!! Me veja ai uma bainha pra foice.
O dono da loja procura nas prateleiras e entrega a bainha ao cearense. No dia seguinte, o camarada resolve pegar seu Juca. Volta à loja e pede:
- Seu Juca!! Me arrume ai uma dúzia de ovos de ema.
Novamente, o munguenguense ronda as prateleiras e traz a mercadoria para o cearense, que fica indignado. No dia seguinte, o cabra volta de novo à loja, pensando em "ferrar" com seu Juca. Chega no balcão e pede:
- Ouuuu seu minino!! Me dá meio litro de porra ai.
Seu Juca olha de lado, olha as prateleiras, revira a loja inteira, volta ao balcão e diz ao cearense:
- Pois não meu compadre!!Você trouxe o vasilhame ou vai levar no c* mesmo?

CURIOSIDADES

“Suíno Light” abre espaço para novos mercados e produtores
Do porco “banha” ao suíno light – essa é a trajetória que a pesquisa da Embrapa ajudou a construir na cadeia suinícola do Brasil em busca de maior rentabilidade aos produtores. Desde o lançamento do primeiro suíno light, o MS58, há 18 anos, até a recente apresentação da fêmea suína Embrapa MO25C, a aposta é em uma carne diferenciada, com baixo teor de gordura, e com valor agregado para que produtores possam atuar de maneira competitiva no mercado. São quatro produtos comerciais na área de genética e várias recomendações em nutrição animal para melhorar o rendimento e a qualidade de carne, como a adição de óleos na ração para obtenção de uma carne enriquecida com ômega 3.

Iniciativa transforma resíduos urbanos em adubo
Reduzir o impacto ambiental e aumentar a produtividade no campo. Essa é proposta do pesquisador Francesco Montemurro, do Conselho de Pesquisa Agrícola italiano (CRA), apresentada no 16º Congresso Mundial de Fertilizantes, no Rio de Janeiro (RJ). Segundo suas pesquisas, a adubação orgânica com detritos urbanos e rejeitos agroindustriais orgânicos pode aumentar o rendimento em mais de 20% em culturas como tomate e abobrinha.

A fertilização verde resulta em uma alta produção de biomassa que, quando incorporada ao solo, aumenta o teor de nutrientes disponíveis.

“Utilizamos água de descarte da indústria vinícola para adubação de plantações, com resultados similares aos de fertilizantes convencionais. O adubo orgânico a partir de resíduos agroindustriais representa uma alternativa favorável para a agricultura e para o meio ambiente”, aponta o pesquisador italiano.

Aproveitando as frutas por inteiro
O Ministério da Saúde chama a atenção para o mau hábito de desperdiçar as cascas de frutas e verduras. De acordo com a nutricionista do Hospital Federal Cardoso Fontes, vinculado ao Ministério da Saúde, Maria Valéria Fontoura, as cascas desses alimentos podem trazer vários benefícios para a saúde. “Nós temos várias vitaminas e minerais nas frutas, verduras e legumes e principalmente nas cascas. Hoje em dia, precisamos aumentar nossa quantidade de fibras, até para melhorar níveis de colesterol. Várias doenças são preveníveis com quantidade de fibra na alimentação. Então nós devemos aproveitar o vegetal, a fruta por inteiro”, relata.

A auxiliar de cozinha Zélia Alves sabe bem como aproveitar as cascas dos alimentos. “Faço bolo da banana aproveitando a casca. Todos comem e gostam. Sempre soube que para evitarmos uso de remédio a gente usa uma boa alimentação. Na minha casa eu uso fruta, salada, eu faço muito suco com a couve. Muita gente não aproveita, porque não conhece. Você sabe o que você está colocando, não tem conservante. O aproveitamento é outro”, afirma.
http://www.gestaonocampo.com.br/